Casa Civil

Notícias

25/09/2015

Celepar desenvolve solução modelo que fiscaliza compra e uso de agrotóxicos no Paraná

Em parceria com a Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (ADAPAR), para auxiliar o Governo do Estado do Paraná a monitorar a comercialização e emissão de receituários de agrotóxicos, a Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (Celepar) criou uma solução que se estende da camada de apoio à tomada de decisão, através do desenvolvimento de um sistema transacional, incorporação de conceitos de Business Intelligence (BI) e inclusão de ferramentas de georreferenciamento (GIS).

O Sistema de Monitoramento do Comércio e Uso de Agrotóxicos do Paraná (SIAGRO) se configura como uma ferramenta imprescindível na missão da ADAPAR em modernizar o modelo de defesa agropecuária ao integrar o setor produtivo do órgão ao setor técnico, como afirma o engenheiro agrônomo e fiscal da ADAPAR, Luiz Angelo Pasqualin.

Até agosto de 2015 foram mais de 17 milhões de receituários agronômicos registrados (média de 3.700.000 receituários ao ano), mais de 10 milhões de vendas de agrotóxicos cadastradas, 13 mil profissionais de agronomia emitentes de receituários e quase 2 mil comerciantes cadastrados, mostrando assim a grande abrangência da ferramenta e seu mapeamento.

A implantação de um módulo responsável pelo registro de receituários de defensivos agrícolas foi pioneira no Brasil. Com isso o Paraná atinge mais uma vez um patamar alto em desenvolvimento de soluções de tecnologia da informação através da Celepar.

SIAGRO

O desenvolvimento do SIAGRO se baseia na necessidade do Estado do Paraná em aumentar o monitoramento e gerir de maneira eficiente a emissão dos receituários, além de melhorar o desempenho e a qualidade da fiscalização desses produtos, e esse é o objetivo do sistema. O SIAGRO possibilita a emissão de relatórios para realização de auditorias e informações estatísticas sobre o comércio de agrotóxicos no Estado, oferecendo os meios de controle para uma produção agropecuária livre de resíduos, saudável e com qualidade.

Através da análise de informações enviadas pelos comerciantes, técnicos, propriedades, culturas e pragas, é possível detectar com maior precisão onde está ocorrendo irregularidades e ter uma melhor atuação de fiscalização. Com essas possibilidades, o SIAGRO permite ao Governo controlar a utilização de agrotóxicos e, dessa forma, diminuir a incidência de contaminações.

Como Funciona

A ADAPAR é a responsável pela fiscalização, cadastramento e orientação dos fiscais de agronomia no sistema, em parceria com o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (CREA-PR), que atualiza e mantém os cadastros dos profissionais de agronomia habilitados. O SIAGRO está disponível no Portal de Acesso do Sistema (www.siagro.adapar.pr.gov.br/siagro/) e para ser acessado é necessário ter um cadastro com login e senha.

Equipe da Celepar envolvida no Projeto

Alfredo Massaki Furukawa (CIIE), Gustavo Lachowski de Oliveira (CIIE), Cristiano Precoma (COSIN-A3), Ricardo Strique (COSIN-A3), Henrique Américo Ribas (COSIN-A3) e Diego de Carvalho Zimmermann (COSIN-A3).
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.

  • Facebook

Central de Atendimento

  • Enviar mensagem
  • Chat on-line
  • Regionais
  • WhatsApp
  • Solicitação de Serviços
  • LOJA DA CELEPAR
  • Banner trânparência PTE
  • banner transparência