Casa Civil

Celepar - Municípios

16/05/2018

Celepar pode auxiliar Exército no monitoramento de fronteiras

Para conhecer o Sistema Estadual de Informações e como este modelo de governança é aplicado na administração estadual, além dos benefícios que geram à sociedade pela modernização da gestão pública, o chefe da Assessoria de Estudos Estratégicos da 5ª Divisão do Exército Brasileiro – Forte do Pinheirinho, coronel Raul Boeno, esteve na Celepar para uma reunião de trabalho com o presidente Jacson Carvalho Leite. Entre os pontos de interesse do Exército estão os cases de Business Intelligence (BI’s) que somam mais de 650 estudos, ferramentas que podem abastecer o Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras – SISFRON.

A Celepar, por meio de BI’s, possui dados estratificados com acesso em tempo real e fácil visualização das diversas áreas de atuação do Governo do Estado. Segundo o presidente, esta solução de inteligência desenvolvida pela companhia pode ser incorporada ao SISFRON pela riqueza e detalhamento das informações existentes.

Além dos BI’s, Leite assegurou que a Celepar está apta a auxiliar o Exército em outras áreas que requeiram soluções de tecnologia da informação e comunicação, como em aplicativos de georreferenciamento e na implantação da Rede Executiva, ou numa solução similar ao Governo Eletrônico em Números, painel que registra uma média diária de 2,5 milhões de serviços prestados pelo Governo do Estado à população paranaense.

De acordo com o coronel Raul Boeno, o objetivo da reunião que era o de conhecer casos de sucesso e prospectar parcerias futuras foi atingido. Novos encontros de trabalho foram agendados para que o Exército conheça mais detalhadamente as soluções desenvolvidas pela Celepar, “com ênfase na evolução da instituição e da sua relação com a população”, disse ele.

SISFRON

O Brasil possui cerca de 17.000 km de fronteiras terrestres, estendendo-se do Amapá até o Rio Grande do Sul. Essa distância, em linha reta, é maior que o dobro da distância de Paris a Pequim. A área de responsabilidade contígua a essa faixa de fronteira equivale a mais de 2,5 milhões de Km², o que corresponde a 27% do território nacional.

Para proteger esse patrimônio e todas as riquezas naturais dessa região, o Exército Brasileiro desenvolveu o Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras. O SISFRON é um conjunto de sistemas para o monitoramento, o controle e a atuação nas fronteiras terrestres brasileiras. É um dos maiores projetos de monitoramento de fronteiras em execução no mundo.

Presenças

O coronel Raul Boeno veio acompanhado por uma equipe de 20 militares. Participaram pela Celedpar da reunião que ocorreu na terça-feira (15) os empregados Adejair Tozzini, Alfredo Furukawa, Carlos Pessoa, Elcio Marcowcz, Gilcemara A. Priandi, Manoel Leal, Marcus Isolani, Leandro Valerio, Roselene Joner e Venyton Izidoro.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.


CAPTCHA imageRecarregar CAPTCHA

Central de Atendimento

  • Enviar mensagem
  • Chat on-line
  • Regionais
  • WhatsApp
  • Solicitação de Serviços
  • LOJA DA CELEPAR
  • Banner trânparência PTE
  • banner transparência